Aquecimento evita riscos de lesões ortopédicas

Muitas pessoas podem até torcer o nariz ou chegar depois do horário do aquecimento nas academias, mas sabia que isso é necessário para prevenir contra lesões musculares?



Antes dos treinos, é comum ver uma roda de pessoas seguindo instruções de um profissional de educação física ou até mesmo se aquecerem sozinhas. No entanto, existem aqueles praticantes de esporte que não veem necessidade do aquecimento e estes correm um risco enorme.

A importância do aquecimento

Aquecer-se antes das atividades físicas reduz a tensão muscular aplicada durante o movimento, ativando a circulação sanguínea e preparando o corpo para o treinamento propriamente dito, dando uma melhor flexibilidade às articulações.
Na corrida, por exemplo, um trote leve de cinco a 10 minutos já são o bastante para o corpo e em outras modalidades, começar de forma gradativa o treino, com cargas leves também faz com que a temperatura corporal aumente e, consequentemente, uma maior quantidade de oxigênio é liberada para a musculatura.

Contudo, o alongamento, onde movimentos específicos são feitos com o corpo parado em um mesmo lugar não causam o mesmo efeito caso sejam realizados com uma maior intensidade. O ideal é realizar movimentos leves, de 20 a 30 segundos em uma mesma posição, para que os músculos e tendões estejam flexíveis para a modalidade.

Prevenindo lesões

Combinar o alongamento com movimentos dinâmicos e um aquecimento leve previne contra lesões, visto que o corpo está preparado para receber os impactos sofridos pelo movimento excessivo das atividades físicas. Por exemplo, se um tendão não está devidamente alongado e pré-aquecido, o corpo não tem a informação necessária de que uma atividade física será realizada.

É possível notar uma leve rigidez nas articulações pois os músculos não estão com a quantidade de sangue correndo por eles, consequentemente, a resposta do movimento é mais lenta, ou até mesmo resultando em lesões como estiramentos ou contraturas por conta do encurtamento muscular, que não está devidamente preparado para o exercício.

COMPARTILHAR